Céu da Semana: de 30 de setembro a 06 de outubro de 2018

Semana de Lua Minguante. A Lunação de Virgem chega ao fim e este é um momento de resguardar as energias e o desgaste emocional que ocorreu neste mês de setembro que foi bastante intenso. Neste domingo Plutão retoma o movimento direto e após 5 meses de um mergulho e uma investigação interior, é hora de exteriorizar as mudanças. A Lua entra na fase Minguante na terça e estes serão dias de recolhimento. Para mantermos a harmonia é necessário seguir o fluxo energético e entender que a fase Minguante é de interiorização, reflexão e cura. Preparação para a Lua Nova que acontecerá no dia 09 de outubro. O mês de outubro começa com um clima tenso, uma energia forte de Plutão que pede transformações profundas e que pode trazer à tona as nossas sombras, além de muitas disputas de poder e manipulação. Esta será uma semana de muita atenção na comunicação e também nos relacionamentos. Mercúrio faz um aspecto tenso com Plutão que pode deixar a comunicação ainda mais áspera e agressiva. A dica de ouro é permanecer mais tempo em silêncio para evitar controvérsias. Outro ponto de atenção é o início da retrogradação de Vênus, que acontece na sexta. Alguns meses atrás Marte ficou retrográdo e pediu uma avaliação das nossas ações. Agora é a vez de Vênus fazer o movimento retrógrado e na delicada posição em Escorpião, os relacionamentos, os valores, as finanças e a força feminina precisarão passar por uma importante fase de reavaliação.

Domingo: A Lua em tensão com Netuno deixa o astral confuso,  o que pode atrapalhar a comunicação. Essa confusão será dissipada ao longo do dia e com o aspecto positivo da Lua com Mercúrio será possível organizar melhor a mente, as ideias e a comunicação deve fluir de forma mais harmônica e objetiva. A Lua vai ficar fora de curso durante a tarde no Brasil e em Portugal. O melhor a fazer será descansar a mente e buscar contato social e conversas amenas, mais agradáveis. Plutão retoma o movimento direto e vai dar continuidade ao processo de eliminação de tudo o que não serve mais no âmbito coletivo para que a mudança aconteça, independente do nosso controle. Precisamos evoluir como um coletivo.

Segunda: A semana útil começa com a Lua fora de curso em Gêmeos e só ingressa em Câncer às 15h02 no Brasil e às 19h02 em Portugal. O dia será favorável para os estudos e uma comunicação mais superficial. Quando a Lua ingressar em Câncer o astral vai ficar mais acolhedor. O aspecto harmônico da Lua com Urano permite mudanças e novidades no campo emocional. Porém, a noite pode ser um pouco pesada e com muitas cobranças. A Lua em tensão com Saturno nos lembra que precisamos nos responsabilizar pelas nossas escolhas.

Terça: A Lua entra na fase Minguante às 06h47 da manhã no Brasil e às 10h47 em Portugal. Nessa fase da Lua a tendência é ter uma baixa de energia, pois precisamos nos recolher e encerrar o ciclo iniciado nesta lunação. Pode ser um momento frustrante, pois é necessário aceitar o que não deu certo e seguir em frente. A Lua faz aspectos positivos com Vênus e Netuno que trazem conforto emocional. Mas a comunicação pede muita atenção. Mercúrio em tensão com Plutão gera agressividade e a tendência a ferir os outros com as palavras. Manipulação e desejo de moldar as ideias dos outros, impondo o próprio o ponto de vista. A noite pode ser agitada. A Lua faz aspectos tensos com Plutão e Mercúrio que podem ocasionar dessentendimentos e disputas de poder.

Quarta: O dia amanhece com muita tensão, com o aspecto tenso entre a Lua e Plutão, mas como a Lua também forma um aspecto harmônico com Júpiter será possível resgatar a confiança e a generosidade. A Lua fica fora de curso durante todo o dia até ingressar em Leão no início da noite no Brasil e às 22h13 em Portugal. Como a Lua vai formar um aspecto difícil com Urano podem ocorrer contratempos, mudanças de planos e o sono pode ficar bastante agitado.

Quinta: Neste dia de Júpiter, a tensão dos últimos dias pode ser ampliada. A Lua faz aspectos tensos com Marte e Vênus que podem trazer conflitos e disputas de poder nas relações afetivas. Impor à nossa vontade ao outro gera desconforto e ainda mais desentendimentos. No decorrer do dia a energia de tensão é suavizada com o aspecto positivo da Lua com o Sol que traz mais clareza, vitalidade e renova as energias.

Sexta: A Lua faz um aspecto positivo com Mercúrio que deixa a comunicação mais leve, mas ainda podemos vivenciar alguns desconfortos emocionais por conta de atitudes exageradas. A Lua em tensão com Júpiter pode trazer excessos. Em seguida a Lua fica fora de curso: às 08h35 da manhã no Brasil e às 12h35 em Portugal até ingressar em Virgem à noite. Vênus incia o movimento retrógrado e até o dia 16 de novembro os nossos valores, finanças, os relacionamentos e a forma como expressamos o amor deverão passar por um processo de revisão. Pode ser um momento muito difícil para as relações porque Vênus em Escorpião nos faz ter contato com as nossas sombras e os sentimentos mais densos e intensos podem vir à tona. Algumas separações podem ocorrer. O lado positivo desse período será a oportunidade de rever atitudes abusivas nos relacionamentos e de curar codependência emocional, principalmente durante esta reta final do trânsito de Júpiter em Escorpião que tem trazido à tona abusos sexuais e envolvimentos emocionais intensos e descontrolados. Com o ingresso da Lua em Virgem o astral deve ficar mais analítico. A Lua em harmonia com Urano traz novidades.

Sábado: A Lua em aspecto positivo com Saturno deixa as emoções mais estáveis e nos ajuda a focar nas nossas tarefas. A Lua em harmonia com Vênus facilita o contato social e as relações em geral.  A Lua em tensão com Netuno à noite pode deixar as emoções instáveis. Será importante se interiorizar para retomar o equilíbrio emocional. Seguir a intuição e se conectar com a dimensão sutil e com a espiritualidade.

55bfca43e6124eb44b61013e50164b33

Vênus retrógrada em Áries e Peixes

A cada 1 ano e 6 meses Vênus faz o movimento retrógrado, ou seja, aparentemente ela anda para trás, ao invés de seguir a sua órbita. A retrogradação é apenas uma impressão de que o planeta não está andando para frente, não é um movimento real e para a Astrologia tem um importante significado. Quando isso acontece sentimos que as questões regidas pelo planeta não fluem normalmente.

Vênus representa o amor, a beleza, o poder de atração e conexão, os relacionamentos, a sexualidade, as parcerias, tudo aquilo que valorizamos, apreciamos e a expressão do feminino. Com o movimento retrógrado, esses assuntos podem apresentar inconstância ou algum tipo de dificuldade. O problema também pode acontecer no campo das finanças, pois além do amor Vênus rege a nossa relação com o dinheiro.

A retrogradação de Vênus iniciou no grau 13° de Áries em 04 de março e o planeta vai ficar retrógrado neste signo até o dia 02 de abril. Na noite do dia 02 de abril, Vênus retorna ao grau 29° de Peixes e segue retrógrada até o dia 14. No dia 15 de abril Vênus retoma o movimento direto no grau 26° de Peixes.

venus1

Os próximos 42 dias serão de purificação e de limpeza dos nossos processos afetivos e também uma oportunidade de rever os nossos valores. O período de retrogradação de Vênus “coincide” com o tempo da quaresma cristã. Mesmo não seguindo nenhuma religião, podemos fazer um melhor uso dessa energia para “renascer” na forma como lidamos com os nossos relacionamentos quando Vênus ficar direta e retomar o seu curso.

O que pode acontecer durante a retrogradação? Neste período podemos encontrar dificuldades nos relacionamentos e também reencontrar amores do passado. Podemos retomar antigas relações e sentimentos. Pessoas do passado podem voltar a fazer contato, antigas parcerias, ex- amantes ou ex- namorados (as). Podemos entrar em contato também com antigos desejos e valores. Retomar ou recordar antigos gostos. Porém, os “flashbacks” que podem acontecer não devem ser encarados como assombrações ou a “salvação da lavoura” e sim como oportunidades para entender melhor uma situação que vivenciamos e que não foi bem compreendida ou resolvida. Podem ocorrer recaídas ou reconciliações sim, mas é importante ter consciência do que essas situações significam.

E o que representa a retrogradação? Representa uma oportunidade de revisão, de reanálise, de repensar um comportamento, de olhar para dentro e de rever as nossas atitudes e padrões repetitivos e principalmente, de não repetir os mesmos erros. Um planeta retrógrado simbolicamente está andando para trás, em sentido contrário ao seu curso normal e com isso podemos dizer que os assuntos regidos pelo planeta estão seguindo um caminho diferente do usual. Por isso existem recomendações para este período, como por exemplo não iniciar novos relacionamentos, parcerias, sociedades, casar e estabelecer novos contratos. Isso não quer dizer que não devemos fazer nada nos próximos 40 dias, não é isso. Temos apenas que ficar atentos e nos conscientizar que as coisas podem mudar de direção quando Vênus retomar o movimento direto. A nossa vida não deve ficar paralisada, esperando esse período passar,  mas precisamos ter mais atenção nas negociações e nas nossas relações em geral.

Então, se o passado bater à nossa porta, devemos receber bem a situação ou a pessoa e analisar se processamos  e superamos a experiência que vivenciamos. O importante é quebrar o padrão e seguir de outra forma. É preciso limpar, fazer as pazes com o nosso passado. Pode acontecer apenas o sentimento ou a lembrança de alguma experiência vivida, o medo de que algo ruim aconteça novamente. Podemos acessar alguns traumas que podem prejudicar as relações que estamos vivendo atualmente, mas lembre-se que esta é uma oportunidade de aprendizado.

Dessa forma, os relacionamentos atuais poderão passar por testes. É um período frágil e que pode abalar algumas relações. Mas também muito importante e de construção de uma relação verdadeira (Áries), de compromisso e de muito amor e compaixão (Peixes). É uma fase muito boa para “discutir a relação”. Vamos perceber que todos estarão mais abertos a isso e a vida vai nos levar a vivenciar situações que vão permitir “colocar os pingos nos is”. Claro, nem todos estão preparados para vivenciar essas experiências da melhor maneira. Mas quando Vênus retomar o movimento direto, se tivermos aproveitado bem a oportunidade de revisão, as relações atuais poderão ficar mais fortalecidas, as reconciliações podem ser positivas e antigos laços poderão ser refeitos.

Com relação a energia, no primeiro mês de retrogradação Vênus estará transitando pelo signo de Áries. Para quem conhece o seu mapa natal poderá identificar em qual casa/área da vida essa dinâmica de revisão de valores e relacionamentos vai acontecer. Em Áries precisamos rever os nossos desejos,  a nossa vontade, independência, iniciativa e assertividade. O que quero num relacionamento afetivo? O que desejo? Eu faço aquilo que quero? Mas talvez algumas pessoas tenham que rever se não estão sendo egoístas demais e levando em consideração apenas o lado delas na relação.

Quando Vênus voltar para Peixes, a revisão deverá ter um cunho emocional, de aprofundamento das nossas emoções. Será o momento de entrega e de doação ao outro. Se durante o período de revisão em Áries conseguirmos acertar todas as arestas,  ter certeza e confiança para lutar por aquilo que queremos, em Peixes será possível vivenciar o amor, a doação, a entrega. Mas com cuidado para não nos iludirmos. Se conseguirmos passar por todos esses testes, poderemos desfrutar do verdadeiro amor.

Já que estamos nos aproximando do dia Internacional da Mulher, um outro ponto de reflexão é o papel do feminino na atualidade. Vênus em Áries está “exilada”, não sente-se confortável neste signo. Mas se olharmos a partir de um outro ponto de vista, esta é uma Vênus Guerreira, que possui força e coragem para lutar por aquilo que deseja e nesse período de retrogradação em Áries, até os primeiros dias do mês de abril, será importante avaliar se  o feminino está usando as armas certas para lutar pelo seu espaço.

Em Peixes,  seu signo de “exaltação”, Vênus fica confortável pois é exaltada e vive o seu esplendor, ainda será preciso avaliar porque esse feminino não tem o reconhecimento que merece. A receptividade e a doação, características femininas e do signo de Peixes, precisam ser utilizadas adequadamente para que não ocorra vitimização, submissão e dependência afetiva. As mulheres precisam parar de fazer sacrifícios e de serem sacrificadas (Peixes).