Marte Retrógrado em Aquário e Capricórnio

Marte que está transitando no grau 09 de Aquário iniciou o movimento retrógrado no dia 26 de junho e seguirá o movimento de “andar para trás” até o dia 27 de agosto, quando Marte retoma o movimento direto no signo de Capricórnio até ingressar novamente em Aquário, no dia 10 de setembro.

Sempre bom lembrar que a retrogradação dos planetas é um movimento aparente, a impressão que temos é que o planeta está se movimentando no sentido contrário. Na Astrologia quando isso acontece chamamos de movimento retrógrado e representa que as tendências e características do planeta não se manifestam de forma rápida, espontânea. Há uma lentidão, atrasos, dificuldades ou introspecção para manifestação do potencial de energia do planeta. Isso ocorre tanto no mapa natal quando nascemos com um planeta retrógrado quanto nos trânsitos.

Esta condição no mapa natal indica que ao longo da vida essa energia poderá ser trabalhada e manifestada em algum momento. Já nos trânsitos, o período de retrogradação indica que os assuntos regidos pelo planeta deverão ser reavaliados, revistos, poderão sofrer atrasos e o resultado não será de acordo com o esperado porque é necessário fazer algum ajuste. É uma fase de aprendizado, de retorno ao passado e amadurecimento. Volte uma casa, faça uma reavaliação antes de avançar!

Marte é o Deus da Guerra e representa o nosso ímpeto de ir à luta, nossa ação, energia, competitividade, agressividade, força e capacidade de conquista. Rege também a sexualidade, a energia masculina, cirurgias, o poder de construção e destruição, o comando, a liderança, o pioneirismo e as qualidades necessárias para vencer. Durante a retrogradação essas características estarão evidenciadas e também poderão sofrer atrasos e revisão. Pode haver falta de energia e mau uso da agressividade.

Neste período as estratégias deverão ser revistas. Se no passado ocorreram brigas e desentendimentos com grupos e amigos, teremos a oportunidade de rever as nossas ideias durante a retrogradação e se acontecerem brigas agora a probabilidade de buscar o entendimento ou fazer as pazes será maior quando Marte retomar o movimento direto. Cirurgias programadas não são indicadas porque também poderão ser revistas quando a retrogradação terminar. Porém, é uma boa fase para reavaliar ou rever procedimentos cirúrgicos realizados anteriormente.

Iniciar novos projetos profissionais nessa fase também não é indicado, pois precisará de revisões constantes. Mas é um momento positivo para retomar projetos antigos que estavam parados.

No início de julho, Mercúrio vai fazer oposição com Marte e o desafio será se comunicar de forma direta e objetiva, mas sem hostilidade e no dia 27 de julho o Sol vai fazer oposição a Marte retrógrado e a energia masculina estará bastante intensificada.
A necessidade de rever as nossas atitudes, o nosso papel no grupo e principalmente como reagimos às situações que nos incomodam vai ficar evidenciada. Essa oposição vai ocorrer no dia do eclipse lunar, cuja influência nos deixa ainda mais reativos e inseguros. Será um dia de bastante atenção com relação às nossas atitudes.

O dia primeiro de agosto deve ser de muita tensão e hostilidade. Marte retrógrado fará quadratura com Urano que pedirá uma mudança urgente de postura e se não estivermos bem sintonizados com essa energia podemos ter atitudes muito ríspidas e imprevisíveis. Já no dia 07 de agosto, próximo do eclipse solar parcial, Vênus fará trígono com Marte retrógrado, o que será bastante positivo para os relacionamentos. Podemos ter encontros com pessoas do passado e assim resgatar antigos contatos e reatar amizades, resolver pendências afetivas, reconciliar com ex, fazer as pazes ou simplesmente deixar ir todo o ressentimento.

No dia 12 de agosto Marte retorna ao signo de Capricórnio e a retrogradação pode afetar os capricornianos do último decanato e todos aqueles que possuem planetas pessoais (Lua, Mercúrio, Vênus e Marte) nos últimos graus (de 24 a 29) de Capricórnio. Assuntos que ficaram pendentes na primeira quinzena do mês de maio, quando Marte estava transitando nestes graus direto, podem vir à tona novamente para que sejam revistos ou encaminhados para resolução.

No dia 27 de agosto Marte retoma o movimento direto no signo de Capricórnio, no grau 28 e antes de ingressar novamente em Aquário, no dia 10 de setembro, Marte e Vênus fazem contato através de uma quadratura para resolver as últimas pendências afetivas.

No mês de setembro teremos mais uma oportunidade de mudar as nossas atitudes, Marte fará quadratura novamente com Urano, mas agora direto e somente a partir do dia 10 de outubro que vamos conseguir fechar verdadeiramente as questões que foram ativadas durante a retrogradação, quando Marte transitar pelo grau 9 de Aquário em movimento direto.

Teremos então um longo período para ajustar e adequar as nossas atitudes, rever estratégias e adotar novas ações para atingirmos a independência, liderança e o pioneirismo que tanto precisamos para ter mais força, coragem e iniciativa.

Pontos a observar durante a retrogradação de Marte:

  • De 26 de junho (início do movimento retrógrado no grau 9 de Aquário) a 10 de outubro (Marte transita direto no grau 9 de Aquário): teremos um pouco mais 3 de meses para rever todas as nossas ações e colocar em prática novas atitudes e ideias, principalmente no relacionamento com grupos, amigos e com a comunidade de um modo geral;
  • Para quem conhece o mapa natal: observar as casas que contém os primeiros graus de Aquário (entre os graus 0 e 9) e os últimos graus de Capricórnio (de 24 a 29). Essas áreas serão ativadas e você precisará rever como age nas situações que envolvem estas casas. Essas são áreas em que você atua com a energia de Aquário e Capricórnio;
  • Ainda para quem conhece o mapa natal: observar os planetas pessoais (Sol, Lua, Mercúrio, Vênus e Marte) que estão posicionados entre os graus 0 e 9 de Aquário, Leão, Touro e Escorpião. Marte retrógrado vai pedir revisão urgente de estratégias e atitudes que podem interferir diretamente na sua identidade, emoções, comunicação, relacionamentos, valores e ação entre os dias 26 de junho e 14 de agosto. A mesma coisa para quem tem planetas entre os graus 24 e 29 de Capricórnio e nos mesmos graus nos signos de Câncer, Áries e Libra, no período de 14 a 26 de agosto;
  • Arianos, escorpianos e quem tem o ascendente em Áries, Escorpião e o planeta Marte nos ângulos (casas 1, 4, 7 ou 10) também serão bastante influenciados pela retrogradação de Marte;
  • Para todos: oportunidade de observar e lidar com a raiva, agressividade, rever como estamos lidando com a nossa sexualidade, libido, com a energia que empregamos no trabalho e dizer não para todas as coisas que não estão funcionando em nossas vidas e não temos coragem de abandonar.

 

8bdc956b74adb4a73a482bb4dc1d5fff

 

 

Céu da Semana: de 24 a 30 de junho de 2018

O mês de junho termina com a energia da Lua Cheia no signo de Capricórnio, onde a Lua sente-se bastante desconfortável, já que não é bem acolhida pelo rígido e disciplinador signo regido por Saturno. A oposição pede equilíbrio e complementaridade, mas até chegarmos neste caminho temos que passar por dificuldades. Porém, quando conseguimos atravessar, recebemos as bênçãos da durabilidade, da segurança e principalmente do amadurecimento. Esta pode ser uma semana um pouco pesada, com muito foco no trabalho e na disciplina. O Sol faz um aspecto tenso com Saturno que pode trazer dificuldades, cobranças, cansaço e perda de vitalidade, mas também uma excelente oportunidade de amadurecimento. Marte inicia o movimento retrógrado em Aquário e até agosto vivenciaremos um momento difícil na nossa ação. Agora é hora de rever ideias, atitudes e principalmente mudar de postura. Momento de deixar a teimosia de lado e dar mais espaço ao outro. Mercúrio ingressa em Leão na sexta e até o início de setembro a comunicação ficará bastante criativa, mas também dominadora e orgulhosa, já que este será um longo trânsito pelo signo do Sol. Em julho Mercúrio ficará retrógrado e assim como a nossa ação, a comunicação também passará por um período de revisão. Vamos viver uma fase de ajustes na comunicação e na ação, o que pode trazer muitos conflitos, agressividade e irritabilidade. Podemos viver uma disputa de egos.

Domingo: A Lua em harmonia com Plutão deixa o astral bastante intenso e regenerativo. O dia será positivo para promover curas. Momento de deixar o ressentimento de lado e explorar a sexualidade que estará favorecida. A Lua também faz aspecto positivo com Mercúrio que permite uma comunicação mais acolhedora e compreensiva. Às 11h01 no Brasil e às 15h01 em Portugal a Lua fica fora de curso até ingressar em Sagitário na madrugada de segunda. O domingo pede aconchego e descanso.

Segunda: A Lua em Sagitário deixa o dia mais extrovertido e animado, mas teremos que lidar com pequenos desconfortos nos relacionamentos. Vênus em tensão com Júpiter pode nos fazer cometer alguns excessos. Será importante também evitar gastos desnecessários. O excesso de confiança e generosidade pode nos fazer errar a mão nas relações sociais de um modo geral. A noite deve ser de muita ação e energia. A Lua em harmonia com Marte traz muita confiança e iniciativa.

Terça: A Lua em harmonia com Vênus no início da manhã deixa o astral mais amoroso, mas como em seguida a Lua faz um aspecto tenso com Netuno podemos ficar confusos e instáveis emocionalmente. A Lua vai ficar fora de curso durante toda a terça até ingressar em Capricórnio na quarta no início da tarde. O dia pode seguir pouco produtivo. À noite Marte inicia o movimento retrógrado em Aquário, o que pode nos deixar mais irritados durante este período, que vai até o dia 26 de agosto. Momento de revisar a ação e mudar de atitude. Os arianos, escorpianos, leoninos, aquarianos e taurinos serão os mais afetados durante esta fase.

Quarta: O Sol em tensão com Saturno pode nos impor algumas restrições e trazer desânimo. Será importante ter uma visão menos pessimista e melancólica do nosso momento para assumir novas responsabilidades e amadurecer. Saturno pode restrições, mas o tempo também pode trazer excelentes lições. De tarde a Lua ingressa em Capricórnio e deixa o astral sério e também mais desconfortável por conta  da aproximação da Lua Cheia. A noite deve ser mais leve e descontraída com a harmonia entre a Lua e Urano. Se estivermos dispostos a mudar, podemos enxergar novas possibilidades no caminho. A Lua em conjunção com Saturno pede uma boa noite de descanso.

Quinta: Durante a madrugada a Lua entra na fase Cheia no signo de Capricórnio, o que traz bastante desconforto para a Lua. Podemos estar cansados por conta das exigências dos últimos dias e o desafio será buscar o equilíbrio e o conforto através do acolhimento da nossa força interior e também daqueles com quem compartilhamos a nossa intimidade. Durante a tarde e à noite a Lua faz aspectos positivos com Júpiter e Netuno que trazem mais confiança e aumentam a nossa fé.

Sexta: Durante a madrugada no Brasil e no início da manhã em Portugal, Mercúrio ingressa em Leão, signo onde vai transitar até o dia 5 de setembro, por conta da retrogradação que vai ocorrer em julho. O período vai pedir expressão da criatividade, mas também teremos que revisar a necessidade de impor as nossas ideias e buscar ser mais flexíveis, aceitar outros pontos de vista. A Lua em conjunção com Plutão deixa o astral bastante intenso, o que pode gerar crises. A Lua vai ficar fora de curso durante toda a sexta até ingressar em Aquário no sábado de madrugada.

Sábado: A Lua em Aquário deixa o astral mais racional e voltado para o coletivo, mas podemos ter dificuldades na comunicação. A Lua faz aspectos tensos com Mercúrio e Urano que podem gerar desentendimentos e muita inflexibilidade. Mercúrio e Urano em tensão pede mudanças na comunicação e o desafio será buscar a iniciativa para promover as mudanças. Se ficarmos aguardando o posicionamento do outro não iremos avançar e ficaremos empacados no meio do caminho. Alguém vai ter que ceder.

158d120edb415b3b683f31f6992f14b9

Mercúrio direto e Marte retrógrado

Mercúrio retoma o movimento direto amanhã, dia 28 e a comunicação volta a fluir. E voltamos a ter a sensação de “controle” das nossas agendas. Com Mercúrio direto, a tendência é que menos imprevistos aconteçam e o que programamos ocorra dentro do planejado. Conseguiremos nos entender melhor também.
Em compensação, deveremos ter cuidado com a nossa ação. No sábado, dia 01, é a vez de Marte ficar retrógrado. E será o nosso teste de paciência. A retrogradação de Marte acontece a cada dois anos e por isso precisa de atenção. Marte já está fraco em Libra e essa fraqueza é acentuada com a retrogradação. Até o dia 19 de maio teremos que controlar a nossa impulsividade e pensar de forma estratégica. Então até maio, muita paciência.

Leia sobre o trânsito de Marte em Libra aqui.

Imagem

Marte em Libra

Marte ingressa em Libra hoje e transitará por este signo até o dia 25 de julho de 2014. Serão sete meses transitando na Balança. E realmente durante este trânsito as nossas ações deverão ser postas na balança, pois Marte ficará retrógrado de 01 de março até 19 de maio. Como já sabemos o que ocorre durante os períodos de retrogradação, serão 80 dias para reavaliar as nossas ações.

Marte não sente-se bem em Libra porque este é o signo oposto a Áries, o seu domicílio. Aqui Marte fica fraco, pois está exilado e não consegue exercer as suas características naturalmente. Sempre quando um planeta está exilado ou em detrimento, torna-se mais difícil agir de forma positiva e temos que tomar mais cuidado pois a tendência é ficarmos mais impacientes, medrosos, intolerantes, fracos e causar desarmonia. Quando ficar retrógrado as características negativas poderão ser mais evidenciadas, pois o Universo testará a nossa habilidade para superar as dificuldades que serão apresentadas.

Porém, se nos esforçarmos, teremos a chance de agir de forma mais estratégica, com justiça e visando sempre o lado do outro. Libra empresta o seu charme, sociabilidade e cooperação para Marte. Se conseguirmos direcionar a nossa energia, ação e iniciativa para melhorar o nosso relacionamento com os outros, teremos firmeza e seremos bem sucedidos. As nossas iniciativas deverão ser equilibradas, ponderadas e justas. Temos que buscar agir com tato e tática. Só temos que ter cuidado com a indecisão e não confundir os nossos desejos com os dos outros.

Resumo para este trânsito: equilíbrio nas  ações.

Image
imagem: El dios Marte- Diego Velázquez