Astrologia

Céu de Julho

Podemos dizer que o ano começa de verdade agora nesta segunda quinzena de julho, isso porque teremos  a oportunidade de ver manifestações de mudanças em nossas vidas. Esse ano começou bem difícil, pois os planetas pessoais Mercúrio, Vênus e Marte, ficaram retrógrados até pouco tempo e  como estes planetas interferem diretamente nas nossas ações do dia a dia, o movimento retrógrado trouxe vários empecilhos e diminuiu a nossa energia e nosso empenho para lidar com as questões pessoais. Começamos o ano com Vênus retrógrado em Capricórnio, trazendo dificuldades nos relacionamentos e nas finanças; em seguida foi a vez de Mercúrio ficar retrógrado, atrapalhando a comunicação, depois foi Marte que ficou retrógrado, interferindo nas nossas ações. Tudo bem que Mercúrio fica retrógrado todo ano e em outubro ficará retrógrado novamente, mas com Vênus e Marte alternando na retrogradação, o movimento de andar pra trás de Mercúrio foi muito mais frustrante.

A retrogradação dos planetas pessoais nos desestabilizou e tornou mais difícil enfrentar os desafios para a concretização dos nossos projetos e para o nosso crescimento, isso porque também houve uma alternância nos movimentos dos planetas sociais : Júpiter e Saturno. Júpiter iniciou o ano retrógrado e ficou direto em março, um pouco antes do ano novo astrológico, o que nos deu um alívio após a dureza de Vênus retrógrada em Capricórnio, porém, no mesmo período Saturno ficou retrógrado e limitou a concretização dos nossos projetos, nos obrigou a amadurecer e a apurar o nosso aprendizado antes de colocar nossos objetivos em prática, além de nos apresentar duras lições.

Agora em Julho a tendência é que estas mudanças efetivamente aconteçam, pois no dia 16 Júpiter ingressa em Leão que traz mais vitalidade e autoconfiança e no dia 20 Saturno volta ao movimento direto, desbloqueando um pouco o que estava travado.

Com o ingresso do Sol em Leão no dia 22, o clima será de mais alegria e vivacidade. No dia 24 será um dia de sorte, já que o Sol fará conjunção com Júpiter. A última vez que isso aconteceu, foi há onze anos. A conjunção Sol-Júpiter ocorre a cada onze, doze anos, já que Júpiter demora mais ou menos doze anos para retornar a um signo, ou melhor, para dar uma volta completa no zodíaco, pois ele transita por cerca de um ano em cada signo. Este aspecto beneficiará a todos de um modo geral, mas principalmente os signos do elemento Fogo: Áries, Leão e Sagitário.

Outra importante mudança é o ingresso de Marte em Escorpião no dia 26. Marte, finalmente sai do posicionamento desconfortável em Libra. Após sete meses segurando a onda e sobrevivendo às muitas tensões, teremos mais força e impulso para agir, pois Escorpião também é o domícilio de Marte. Portanto, Marte nos fará agir e tomar iniciativas de forma mais espontânea e enérgica.

Então : Feliz Semestre Novo!

linguagem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s